Lewis Hamilton o mais rápido nesta sexta-feira em Montreal

Lewis Hamilton

Lewis Hamilton foi o nome desta sexta-feira, dia que marcou o início das atividades de pista do GP do Canadá de F1 na temporada de 2012. Soberano na primeira sessão de treinos livres, o britânico da McLaren confirmou o seu domínio no circuito Gilles Villeneuve ao estabelecer, durante a tarde, a melhor marca do dia. Com 1:15:259, estabelecido com pneus supermacios, Hamilton credencia-se como favorito à pole-position e, por que não dizer, à vitória no domingo em Montreal.

A sessão foi marcada também pelo grande desempenho dos carros da Ferrari no Canadá. Se antes a escuderia de Maranello só conseguia ter bom desempenho com Fernando Alonso, desta vez Felipe Massa também mostrou bom potencial, evidenciando uma evolução já demonstrada no GP de Mônaco, há duas semanas. Alonso fechou o dia em segundo, distante apenas 0,054s do tempo de Hamilton. Massa completou o top-3, 0,097s mais lento que a marca do companheiro de equipa.

Sebastian Vettel finalizou a tomada de tempos na quarta posição. O alemão foi seguido pelo seu antigo rival nos tempos de F3 Euroseries, Paul di Resta, que cravou uma boa quinta posição. Kamui Kobayashi foi outro que andou bem em Montreal e assegurou o sexto melhor tempo. Na sequência, outros dois alemães, Michael Schumacher, da Mercedes, e Nico Hülkenberg, comprovando o ótimo momento da Force India nesta sexta. Jenson Button, que foi o piloto que menos andou durante o dia, com 14 voltas, subiu para nono já com o cronómetro a zeros, enquanto Nico Rosberg fechou o rol dos dez primeiros.

A segunda sessão de treinos livres em Montreal começou bastante agitada, com praticamente todos os pilotos na pista, exceção feita a três dos 24 pilotos, Jenson Button, Heikki Kovalainen e Pedro de la Rosa. Com a pista mais emborrachada e com os acertos dos carros mais bem definidos, o início da tomada de tempos teve grande alternância de pilotos nas primeiras posições no circuito canadiano.

Jean-Éric Vergne foi o primeiro a estabelecer volta rápida nesta tarde em Montreal ao cravar 1:21:108, mas logo o jovem francês da Toro Rosso foi superado, a começar pelo seu companheiro de equipa, Daniel Ricciardo, que virou na casa de 1min20s. Mas o duo da escuderia de Faenza foi batido facilmente por Kamui Kobayashi, indicando que a Sauber tem um bom pacote para este fim de semana. Na sua primeira volta rápida, o japonês marcou 1:17:709.

Por um breve momento, Pastor Maldonado passou Kobayashi e avançou à liderança, mas logo o piloto venezuelano foi batido por Nico Rosberg, primeiro da sessão a andar abaixo de 1min17s, cravando 1:16:738. A partir de então começou a brilhar novamente a estrela de Alonso e Hamilton. O Ferrari F2012 iniciou a sessão provando que está entre os melhores carros da grelha, posicionando Fernando no topo, antes de o piloto rodar na entrada da curva 8.

Depois só deu Hamilton. Com uma performance muito acima dos rivais, o britânico foi o primeiro a andar abaixo de 1min16s. Numa boa sequência de voltas rápidas, o piloto da McLaren, um dos únicos pilotos de ponta a ainda não ter vencido no ano, cravou 1:15:439, então melhor marca do dia, ainda com pneus macios. Webber vinha em segundo, mas distante 0,468s do tempo de Lewis.

Assim como já fizera pela manhã, Kobayashi voltou a aparecer como destaque no segundo treino em Montreal. Com pneus supermacios, o nipónico melhorou o seu tempo e baixou para 1:15:651. Schumacher, maior vencedor da história do GP do Canadá, com sete conquistas, fechava o top-3 na primeira meia-hora de sessão. Outro indicativo do bom rendimento do Sauber C31 era a presença de Sergio Pérez em sexto.

Por problemas distintos, Button e Kovalainen ainda não haviam ido à pista. O piloto da Caterham só deixou as boxes com 35 minutos de sessão depois que os mecânicos da escuderia malaia conseguiram reparar o seu carro, danificado após o acidente no primeiro treino. Button, por sua vez, enfrentou problemas de vazamento de óleo da caixa de velocidades pela manhã, que insistia em permanecer para a tarde.

Sauber em bom plano no Canadá

Se com pneus macios Hamilton já estava a sobrar perante os rivais, com os compostos supermacios, os mais rápidos disponibilizados para o fim de semana, Lewis abriu ainda mais vantagem na frente. O britânico cravou 1:15:259 e sacramentou a liderança, com Kobayashi em segundo, Schumacher, Vettel, Pérez, Webber, Di Resta, Alonso, Massa e Rosberg fechando os dez primeiros.

Numa boa sequência de voltas rápidas, Vettel, com pneus macios, conseguiu superar Kobayashi e avançou para a segunda posição com um tempo bastante razoável: 1:15:531, só 0,272s atrás de Hamilton, dono da melhor marca do dia com pneus supermacios. Com metade do treino já percorrida, Massa vinha em sexto lugar, à frente de Alonso, o 11º

E não foi mesmo a sexta-feira sonhada por Senna. O brasileiro tentava melhorar o seu tempo quando perdeu o controlo do seu FW34 na saída da chicane e bateu forte no chamado Muro dos Campeões. O lado direito do carro ficou destruído, mas Bruno não sofreu lesões. Entretanto, o seu treino estava encerrado. Bandeira vermelha no circuito Gilles Villeneuve.

Depois de 13 minutos de paralisação e faltando outros 26 para o término do treino, a pista foi novamente libertada para a fase final das atividades do dia em Montreal. O que se viu naquele momento foi uma grande quantidade de carros na pista, o que dificultou um pouco a vida dos pilotos por conta do tráfego. E na retomada do treino, destaque para a Ferrari, com Alonso subindo para terceiro e Massa cravando o sexto melhor tempo.

O bom desempenho dos pneus supermacios na parte final do treino ocasionou uma pequena reviravolta na tabela de tempos. Massa, que já vinha bem, subiu para segundo, ficando a apenas 0,167s da marca de Hamilton. Outro que fez grande volta foi Di Resta, que avançou para a quarta posição. Mas todos, com exceção do líder, foram batidos por um ótimo Alonso, que fez uma volta perfeita e ficou distante apenas 0,054s do tempo de Hamilton. Na sequência, Massa melhorou ainda mais a sua volta ao assinalar 1:15:410, evidenciando um grande salto de qualidade do F2012.

Nos minutos finais o treino arrefeceu, com a maioria dos pilotos preferindo ficar nas boxes para avaliar os dados recolhidos na pista. Como Button ficou a maior parte da sessão sem treinar, logo ele foi tentar uma boa volta para amenizar o prejuízo obtido no dia. Numa sequência de voltas rápidas, Jenson, com pneus macios, garantiu a nona posição depois de voltar as boxes para colocar pneus supermacios.

Confira os tempos:

Pos Driver Team Time Laps
 1.  Lewis Hamilton        McLaren-Mercedes        1m15.259s            43
 2.  Fernando Alonso       Ferrari                 1m15.313s  + 0.054   36
 3.  Felipe Massa          Ferrari                 1m15.410s  + 0.151   39
 4.  Sebastian Vettel      Red Bull-Renault        1m15.531s  + 0.272   44
 5.  Paul di Resta         Force India-Mercedes    1m15.544s  + 0.285   32
 6.  Kamui Kobayashi       Sauber-Ferrari          1m15.651s  + 0.392   37
 7.  Michael Schumacher    Mercedes                1m15.697s  + 0.438   32
 8.  Nico Hulkenberg       Force India-Mercedes    1m15.799s  + 0.540   39
 9.  Jenson Button         McLaren-Mercedes        1m15.812s  + 0.553   14
10.  Nico Rosberg          Mercedes                1m15.878s  + 0.619   40
11.  Sergio Perez          Sauber-Ferrari          1m15.898s  + 0.639   38
12.  Mark Webber           Red Bull-Renault        1m15.907s  + 0.648   41
13.  Pastor Maldonado      Williams-Renault        1m15.987s  + 0.728   39
14.  Romain Grosjean       Lotus-Renault           1m16.360s  + 1.101   29
15.  Kimi Raikkonen        Lotus-Renault           1m16.562s  + 1.303   33
16.  Heikki Kovalainen     Caterham-Renault        1m16.981s  + 1.722   24
17.  Bruno Senna           Williams-Renault        1m17.022s  + 1.763   22
18.  Vitaly Petrov         Caterham-Renault        1m17.075s  + 1.816   41
19.  Jean-Eric Vergne      Toro Rosso-Ferrari      1m17.124s  + 1.865   41
20.  Daniel Ricciardo      Toro Rosso-Ferrari      1m17.716s  + 2.457   34
21.  Pedro de la Rosa      HRT-Cosworth            1m18.908s  + 3.649   27
22.  Timo Glock            Marussia-Cosworth       1m19.084s  + 3.825   40
23.  Narain Karthikeyan    HRT-Cosworth            1m19.378s  + 4.119   21
24.  Charles Pic           Marussia-Cosworth       1m19.902s  + 4.643   18
Anúncios

Posted on 8 de Junho de 2012, in Fórmula 1 and tagged . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: