Ivo Nogueira aposta num bom resultado em Fafe

Ivo Nogueira

No seguimento da temporada, em que que a aposta passa pelo título do Campeonato de Portugal de 2 Litros/2 Rodas Motrizes, Ivo Nogueira aponta agora as baterias para o Rali Serra de Fafe, prova que irá utilizar as clássicas especiais minhotas de Montim, Ruivães, Lameirinha e Luílhas. Esta será a segunda ronda desta competição e a única em pisos de terra, um terreno em que o piloto maiato se sente confortável.

Depois do azar na ponta final do Rali de Vieira do Minho, que custou ao jovem do Citroën DS3 R3T a vitória nos 2L/2RM e um pódio à geral, agora a meta traçada passa pela “vitória. Só podemos mesmo pensar em vencer. Vamos ter que estar muito concentrados para não haver erros. Este é único rali de terra no nosso campeonato e, embora seja um terreno no qual eu tenho menos quilómetros, penso que a participação no Rali dos Açores e no Rali de Portugal vão ajudar muito”, explica.

Esta quarta jornada do Campeonato de Portugal de Ralis desenrola-se em Fafe ‘sala de visitas’ por excelência dos ralis a norte. Isso faz com que este seja uma prova do agrado de Nogueira. “Gosto muito da prova, pelo ambiente, pelas especiais, por tudo o que a envolve. Tem algumas das classificativas mais míticas, técnicas, rápidas e é sempre um prazer percorrê-las. Este ano já corri numa secção do troço de Lameirinha e deu para perceber que o carro se adapta bem ao piso. É claro que sendo em terra a nossa única preocupação é o CPR 2, pelo que é nisso que estamos focados”, acrescenta.

Esta ronda marca também uma novidade para Ivo Nogueira, que vai passar a contar com Nuno Rodrigues da Silva como navegador. “A razão da troca prende-se com o facto do Vítor Hugo se preparar para abraçar um novo desafio profissional que o impede de estar totalmente focado e disponível para os objectivos que este projecto pretende atingir“, refere, deixando uma palavra de agradecimento ao seu ex-navegador “por todo o esforço, trabalho e dedicação ao longo deste dois anos, pelo que lhe desejo as maiores felicidades para a sua vida profissional. O Vitor ajudou-me muito no início com o C2 e depois com o DS3, num processo de aprendizagem conjunto. Para além disso, fica a amizade e, apesar de não estar comigo no carro, vai estar connosco em Fafe para nos dar todo o apoio”, remata o piloto do DS3 R3T.

A quarta prova do Campeonato de Portugal de Ralis realiza-se apenas num dia. A partida está marcada para as 9h30 em Fafe, com os pilotos a cumprirem uma dupla passagem pelas especiais de Ruivães e Montim, correndo-se, após o almoço, os troços de Lameirinha e Luílhas, igualmente por duas vezes. O final do rali está marcado para as 18h45, de novo no centro de Fafe.

Posted on 17 de Maio de 2012, in Campeonato de Portugal de Ralis and tagged . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: