Rodrive aposta na subida ao pódio

Ford GT GT3

Após uma passagem menos conseguida pelo Autódromo Internacional do Algarve, o Team Rodrive tem já as baterias apontadas para a segunda ronda do Campeonato IBER GT, que este fim-de-semana se disputa em Jarama. A ronda dos arredores de Madrid terá como novidade o facto de ser uma corrida única, com 2h10m de duração. Por essa razão, a equipa vai ser reforçada com um terceiro piloto, no caso David Saraiva, sendo que os ‘habituées’ Rui Lapa e Matheus Stumpf, juntamente com o egitanense, partem com o objectivo de alcançar ao pódio.

O circuito de Jarama é um dos mais antigos e clássicos traçados europeus e, desta vez, marca o início de um novo tipo de corridas no Campeonato IBER GT. Assim, ao invés das habituais duas corridas, a jornada deste fim-de-semana decorrerá numa jornada única, mas com uma duração pouco superior a duas horas, o que obriga a um perfeito trabalho de boxes. “Testámos muito essa situação nos testes de pré-temporada”, começa por dizer Rui Lapa. “Sinto que estamos bem afinados para corridas deste tipo, pois como se viu no Algarve, embora não houvesse troca de pneus, fomos muito eficazes na troca de pilotos e nos reabastecimentos. Desta vez a corrida é mais longa, sendo que vamos contar na equipa com o reforço do David Saraiva, por forma a podermos manter um elevado ritmo, sem quebras físicas”, afirma.

Com a corrida já ao “virar da esquina” Lapa diz que a Rodrive tem tudo preparado para realizar um bom fim-de-semana. “Sim, temos tudo preparado. Embora esta seja uma pista onde não há muita informação para o nosso carro, sinto que o Ford GT GT3 será muito competitivo e que nos permitirá recuperar pontos no campeonato. No Algarve houve uma série de incidentes que normalmente acontecem ao longo de uma época, mas que ali surgiram todos de uma vez, por isso espero que possamos, desta vez, ter um pouco mais de sorte e conseguir cumprir os nossos objectivos que passam por um lugar no pódio da categoria”, continua o piloto.

Embora Jarama seja uma pista ‘antiga’, Rui Lapa gosta bastante do traçado madrileno: “Das duas vezes que aqui estive subi ao pódio e no ano passado consegui mesmo uma vitória, pelo que sem dúvida é um traçado de boa memória e onde me sinto particularmente à vontade. Agora espero que possamos repetir pelo menos a subida ao pódio, pois seria muito importante para a equipa. Sabemos que se a temperatura subir teremos um desgaste maior dos pneus e aí talvez tenhamos que alterar a estratégia, mas isso são condições que só em Jarama serão possíveis verificar”, remata o piloto da Rodrive.

Sábado pela manhã, os pilotos disputam as duas sessões de treinos livres, seguindo-se depois de almoço as sessões de qualificação (15h55, 15h20 e 15h45), uma para cada piloto e todas elas com 15 minutos de duração, que definirá a sua posição de saída na grelha de partida. Domingo a corrida, de duas horas e dez minutos, inicia-se às 11h35 (nota: horário de Espanha, 1 hora a menos em Portugal).

Posted on 16 de Maio de 2012, in Campeonato de España Iber GT and tagged . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: