Armindo Araújo: “Temos oito provas pela frente e vamos trabalhar para conseguir bons resultados”

Armindo Araújo

Quando tudo parecia encaminhado para a conquista de um resultado dentro dos objetivos traçados à partida, o top 10, Armindo Araújo foi obrigado a abandonar o Rali da Argentina a três especiais do fim, numa altura em que faltavam disputar pouco mais vinte quilómetros cronometrados para chegar ao pódio final instalado em Villa Carlos Paz. A quebra de um braço da direção do MINI John Cooper Works foi o motivo da desistência do piloto português.

Ao contrário do que tudo fazia prever, Armindo Araújo não conseguiu segurar no último dia a nona posição da geral, que ocupava na altura do abandono, e quase com a meta à vista viu esfumar-se a possibilidade de voltar a pontuar no Campeonato do Mundo de Ralis e na sua estreia na prova sul-americana.

Tivemos alguns problemas nos dias anteriores mas fomos conseguindo ultrapassar as dificuldades e manter viva a hipótese de cumprir com os objetivos que traçamos à partida. A meio da antepenúltima especial, e com a nona posição da geral mais que segura, o braço da direção partiu-se e só nos restou encostar. Depois de todo o esforço que efetuamos durante quase 500 quilómetros é frustrante não conseguir terminar a prova” afirmou o piloto de Santo Tirso.

Numa prova marcada pela dureza das especiais e da sua extensa quilometragem, Armindo Araújo e Miguel Ramalho resistiram a quase todas as dificuldades mas, ao contrário de alguns dos seus adversários, este problema surgiu numa fase em que nada havia a fazer para mudar o rumo final dos acontecimentos.

Ter problemas no derradeiro dia é sempre o pior dos cenários para as equipas e desta vez fomos nós os azarados. É a segunda prova consecutiva em que não somos felizes mas temos que levantar a cabeça e pensar no que ainda resta do campeonato. Perdemos mais uma boa oportunidade para pontuar mas até ao final do ano temos oito provas pela frente e vamos trabalhar para conseguir bons resultados”, disse ainda Armindo Araújo.

Posted on 30 de Abril de 2012, in WRC and tagged . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: