Felipe Massa preocupado com F2012 mas otimista para a temporada

Felipe Massa

A preocupação que há na Ferrari com o desempenho do novo carro também ficou clara nas declarações de Felipe Massa na manhã desta quinta-feira em São Paulo, onde o piloto concedeu entrevista coletiva, para anunciar a parceria de patrocínio com o TNT. Embora tenha dito que é difícil fazer uma análise mais precisa depois dos testes da pré-temporada, o ferrarista admitiu que o F2012 ainda precisa de maior desenvolvimento.

Certamente, nós não tivemos o resultado que gostaríamos. Se perguntar, vou dizer que não fiquei 100% contente, porque, claro, queria estar mais competitivo. Vendo o carro que temos e olhando tudo de novo, tenho de dizer que ainda temos muito para desenvolver e o trabalho é para que isso aconteça rápido”, afirmou o brasileiro, que, apesar do desempenho do novo modelo vermelho, disse estar “otimista e positivo” para a temporada que começa na Austrália, em 18 de março. “É um campeonato novo e um novo carro.”

Porém, a Ferrari precisou fazer algumas alterações durante a pré-temporada. Assim como o diretor-técnico da Ferrari, Pat Fry, já havia falado, a equipa italiana, de facto, iniciou os treinos a tentar desenvolver um novo sistema de escape, dentro de uma solução mais agressiva. Entretanto, a equipa resolveu voltar atrás e adotou um sistema mais convencional, ainda durante as atividades na Espanha. A decisão provocou também um pequeno retrocesso no processo de desenvolvimento do novo carro, de acordo com Massa.

Nós começamos a trabalhar num tipo de escape e depois tivemos de mudar. Quer dizer, não foi uma ideia errada, tanto que outras equipas também optaram por esta solução, mas nós tivemos de mudar o caminho. E foi a coisa certa. É claro que, quando se muda algo assim no carro, também causa uma perda de tempo de desenvolvimento e performance”, explicou Felipe.

Ainda assim, o piloto de 30 anos reiterou que é complicado fazer qualquer previsão para 2012, ma salientou que a Ferrari não está tão atrás das rivais como se pensa. “É muito difícil fazer uma comparação agora. Por exemplo, no ano passado, a estávamos muito bem nos treinos da pré-temporada. Nós lideramos em vários dias. E aí, chegou na primeira corrida, ficamos a mais de um segundo na qualificação. Então, isto mostra o quanto é complicado ver alguma coisa clara neste momento”, declarou.

Precisamos de ter certeza da posição em que estamos no momento, até em relação aos nossos rivais. Agora, achar que a gente não tem hipóteses de lutar pelo pódio, isso também não faz parte do meu pensamento. Eu vou lutar pelo pódio. Temos de ver como todas as equipas vão estar na qualificação, com menos e com mais combustível”, salientou.

Ponto fraco da Ferrari em 2011, os novos compostos da Pirelli também foram lembrados por Felipe, que viu com bons olhos a mudança dos pneus. “Os pneus são melhores, porque são mais macios. E a diferença entre eles é bem menor”, completou.

Por fim, Massa disse que não se preocupa com a renovação de contrato com a Ferrari. O brasileiro mostrou-se confiante e afirmou que o foco para 2012 é fazer a equipa reagir. “Vamos trabalhar para renovar. Não é a primeira vez que acontece na minha carreira, sempre trabalhamos com acordos de dois em dois anos. Portanto, isto não me preocupa. Não se entra no carro a pensar em outras coisas e, sim, no trabalho, em tentar obter o melhor resultado possível”, concluiu.

Posted on 8 de Março de 2012, in Fórmula 1 and tagged . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: