Ricardo Moura: “Lamento a ausência de adversários”

Ricardo Moura

Se existem vitórias que não se esquecem, está no Sata Rali dos Açores será sem dúvida uma delas. Mas não pelas melhores razões, que nada têm a ver com o vencedor, Ricardo Moura, que foi claramente ultrapassado pela rasteira que a FPAK lhe pregou, que despovoou o Campeonato de Portugal de Ralis.

Foi um rali difícil, mas conseguimos sobreviver sem cometer erros. Chegar aos S2000 menos rápidos tornou-se uma missão impossível, mas a diferença que conseguimos alcançar em relação aos concorrentes mais directos fez com que as posições ficassem definidas muito cedo“, disse Ricardo Moura, que na ligação para o controlo final temeu o pior, quando um baralho no Lancer dava a entender que algo poderia estar mal, embora tudo não tenha passado de um susto.

O actual Campeão de Portugal coloca o dedo na ferida e diz que “devido ao novo formato do Campeonato de Portugal de Ralis, lamento a ausência dos meus principais adversários, que teriam valorizado ainda mais esta vitória“.

Para finalizar, Moura diz que “foi muito importante a presença do sol no último dia, para mostrar ao mundo a terra maravilhosa em que vivemos. Quero dar os parabéns à minha equipa dos Açores e à ARC Sport pelo excelente trabalho realizado, mas também à organização do Sata Rallye Açores que demonstrou ser uma das melhores do mundo“.

Posted on 26 de Fevereiro de 2012, in Campeonato de Portugal de Ralis, Ralisonline.net and tagged . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: