Red Bull revela o novo Red Bull RB8

A Red Bull apresentou ao mundo, nesta segunda-feira, o RB8, modelo com o qual Sebastian Vettel e Mark Webber vão disputar o Mundial de F1 em 2012. A escuderia bicampeã mundial de Pilotos e Construtores seguiu a tendência apresentada por outras equipas da grelha e fez uso do degrau no bico para se adequar ao novo regulamento da categoria. Entretanto, o degrau adotado por Adrian Newey tem desenho diferente e mais inclinado em relação aos carros das rivais.

Pelo menos aparentemente, o RB8 parece-se muito com o modelo antecessor, o RB7, carro que ganhou praticamente tudo em 2011 e fez de Vettel o mais jovem bicampeão da história da F1. A diferença mais relevante em relação ao carro do ano passado fica mesmo com a dianteira. Dentre as equipas que apresentaram os seus carros para a nova temporada, apenas a McLaren adotou o bico sem degrau.

Empolgado com o novo carro, Vettel espera repetir a grande performance obtida em 2011, quando venceu 11 corridas e foi pole em 15 oportunidades, quebrando o recorde histórico de Nigel Mansell de maior número de vezes a sair na frente em uma só temporada.

Red Bull RB8 2012

Questionado sobre a meta para 2012, o jovem alemão foi claro: ”Esperamos fazer o mesmo novamente. Tivemos um grande ano e acho que vamos olhar  para 2011 e pensar sempre no quão especial esse ano foi”, comentou o bicampeão, sem deixar de lado a cautela.

Mas, para ser sincero, não se começa uma temporada a esperar ter uma temporada semelhante novamente. Nós sabemos o quanto especial e o quanto nós aproveitamos [2011], mas sabemos que agora será difícil ser consistente para estar em quase todas as corridas no pódio”, acrescentou o aspirante ao tricampeonato da F1 em 2012.

A meta é, obviamente, tentar fazer isto novamente e tentar tirar o máximo de nós mesmos. Então vamos ver como iremos estar com o carro novo, o RB8”, concluiu Vettel.

Tido como um dos pilares do sucesso da Red Bull, Adrian Newey, comandante do projeto do RB8, falou da evolução da equipa desde a temporada de 2009, quando a escuderia taurina deu um salto de qualidade e dominou a segunda metade daquele ano. O projetista, responsável também por modelos campeões na Williams e na McLaren, entende que a Red Bull pode começar 2012 em desvantagem em relação aos rivais, principalmente por não mais contar com o sistema de difusor aquecido, que deu à esquadra austríaca a primazia perante as rivais.

RB8 vai defender o bicampeonato

Os últimos anos tem sido muito bons, muito bem-sucedidos. Tem sido uma jornada incrível para chegar lá. Esta é a quarta evolução do RB5, então, obviamente, a pressão está em tentar permanecer, se for possível para nós”, disse Adrian, sem saber o que esperar para uma nova temporada.

É difícil, perdemos a tecnologia dos tubos de escape e, com a restrição destes tubos que conseguimos desenvolver e que talvez nos colocou à frente por alguns anos, tivemos de repensar isso durante o inverno. Se isso vai nos afetar mais do que os outros, é difícil saber. Projetamos o RB7, carro do ano passado, em torno dos tubos de escape e provavelmente fomos os únicos a fazê-lo, então pode ser que temos perdido mais que os outros. Mas só o tempo vai dizer. Será bom fazermos alguns testes e ver onde nós estamos”, declarou.

O projetista não escondeu a decepção com a restrição do uso dos gases do escapamento, que foi uma das polémicas na temporada e foi motivo de reclamações de equipas rivais que não conseguiram copiar com a mesma eficiência o sistema adotado pela Red Bull.

Mudanças na regra, como a perda dos tubos de escape são um pouco frustrantes na verdade, porque são restrições, não estão a abrir novas oportunidades, apenas fecham as portas. Eu gosto de mudanças nas regras, agora, restrições no regulamento, isso eu lamento muito”, salientou.

Newey também falou sobre a nova dianteira adotada pela Red Bull para 2012, tendência depois que a categoria impôs altura máxima de 55 cm para o bico dos carros de F1 para esta temporada.

A restrição de altura do bico, apenas na frente, não mudou muito a forma do chassi. Mantivemos mais ou menos a mesma forma do chassi, mas tivemos de abandonar o bico longo, assim como muitas outras equipas, e isso levou-nos a colocar um bico que parece um pouco feio. Tentamos fazer com o melhor estilo possível, mas não optaria por usar esse recurso se não fosse pelo regulamento”, finalizou o engenheiro da Red Bull.

Veja as declarações de Mark Webber:

http://www.youtube.com/watch?v=j58Mkrijt_0&feature=g-all-u&context=G25f8d6dFAAAAAAAAAAA

Posted on 6 de Fevereiro de 2012, in Fórmula 1 and tagged . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: