Robbie Gordon vence e continua na luta pelo Dakar; Portugueses com boa performance

Robbie Gordon

Robby Gordon segue com sangue nos olhos na edição 2012 do Dakar. O americano aproveitou o desempenho superior do poderoso Hummer para vencer a oitava especial da competição, nesta terça-feira, entre Antofagasta e Iquique, no Chile. O piloto da Nascar completou os 556 km em 4h35min21s e voltou a tirar diferença em relação ao líder do geral, Stéphane Peterhansel.

O francês, aliás, passou a etapa toda atrás de Gordon, mas foi capaz de administrar a diferença que o separava do principal rival. Durante o início do percurso, o piloto da Mini chegou a ficar mais de 3min atrás do americano, só que o déficit foi cortado a apenas 19s durante a neutralização após o sétimo posto de controlo.

No final da especial, Gordon acelerou forte para encerrar o dia com uma vantagem de 1min38s em relação ao adversário. Com o resultado, o americano aproximou-se ainda mais na classificação geral, onde Peterhansel lidera por apenas 5min58s.

Se Gordon pôde comemorar a vitória em Iquique, o mesmo não aconteceu com o companheiro de equipa, Nasser Al-Attiyah. O actual vencedor da competição teve problemas no alternador da bateria desde os primeiros postos de controlo e acabou por desistir do rali. Agora resta apenas um Hummer na competição.

Com o abandono de Al-Attiyah e vendo Krzysztof Holowczyc, também da Mini, ter problemas, Nani Roma finalizou a etapa na terceira posição, com uma desvantagem de 8min37s para Gordon. Holowczyc, por sua vez, chegou a ocupar a vice-liderança e parecia que entraria na luta pelo título, mas uma falha ao longo do dia o relegou ao quarto posto, 10min39s atrás.

A Mini voltou a colocar quatro carros entre os cinco primeiros, já que português Ricardo Leal dos Santos finalizou na quinta posição, 15min23s longe de Gordon. O grupo dos dez primeiros ainda teve Ginniel De Villiers, o português Carlos Sousa que teve mais uma vez, uma boa performance ao volante do Great Wall da Team Great Wall. O top 10 foi completado por Duncan Vos, Leonard Novitskiy e Bernhar Ten Brinkle.

Na classificação geral, Gordon está 5min58s atrás de Peterhansel, e a luta pelo título parece ficar entre os dois, já que Holowczyc aparece 16min49s atrás. Nani Roma e Ginniel De Villiers completam os cinco primeiros. Carlos Sousa encontra-se agora na 7ªposição, aproveitando a desistência de Nasser Al-Attiyah. Quanto a Ricardo Leal dos Santos, o português da Mini X-Raid é agora o 12º classificado.

Posted on 10 de Janeiro de 2012, in Dakar and tagged . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: