Rapax acredita que fracasso da temporada deve-se à inexperiência da dupla de pilotos

Pastor Maldonado foi o último e único campeão pela Rapax

Da glória ao fracasso, em apenas um ano. A Rapax deixou o posto de melhor equipa da GP2 para ser apenas uma mera ‘espectadora’, ao ponto de terminar o campeonato de 2011 na décima posição. De acordo com os dirigentes da escuderia, o fraco resultado foi fruto da falta de experiência dos seus pilotos, Fabio Leimer e Julián Leal. Andrea Bergamini, chefe da escuderia, entende que a saída do campeão de 2010, Pastor Maldonado, para a Williams nesta temporada foi o factor que mais atrapalhou o desenvolvimento da equipa.

Leimer, que marcou somente oito pontos, não teve experiência suficiente para suprir as necessidades da equipa, mesmo já estando na sua segunda temporada. O outro piloto da equipa, Leal, fez somente a sua estreia nesta temporada. O novo chassi Dallara, aliado à troca para os novos pneus Pirelli tornaram o ano complicado, segundo Bergamini.

Nos testes feitos no fim de 2010, o Fabio e nosso carro dominaram, mas o novo Dallara com aerodinâmica baseada na F1 e os novos pneus Pirelli mudaram a situação”, ponderou o chefe da equipa. “Depois de uma temporada de sucesso como 2010, a decisão de assinar com dois pilotos jovens pode ter parecido uma aposta. Quem tinha mais experiência logo aprendeu a usar os pneus“, afirmou.

E, acima de tudo, eles puderam acelerar o desenvolvimento do carro, deixando pouco espaço para aqueles que, devido à falta de experiência, lutaram para entender os problemas“, analisou o dirigente. O dono da equipa, Gianfranco Sovernigo, acredita que dificilmente a GP2 verá novamente um campeão no ano de estreia ou na segunda temporada.

O novo carro era tão complicado e foram introduzidos tantos factores estratégicos com os novos pneus Pirelli, que foi bem improvável que um estreante, ou até mesmo alguém com um pouco mais de experiência, pudesse tornar.se imediatamente competitivo“, disse o italiano.

Os tempos em que Nico Rosberg e Lewis Hamilton imediatamente se tornaram vencedores na GP2 acabaram. Ser um campeão hoje requer ao menos entre três e quatro anos de experiência na categoria“, avaliou. “O Pastor Maldonado foi campeão no seu quarto ano na GP2. Para ser doutor, você precisa terminar toda a graduação, não é só entrar na universidade“, comparou.

Posted on 30 de Dezembro de 2011, in GP2 Series and tagged . Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: